Você sabe o que é tireoidectomia?

Trata-se de uma intervenção cirúrgica que consiste na retirada parcial ou total da glândula tireóide, e pode ocorrer devido a câncer tireoidiano ou outras patologias.

Esse procedimento pode ser considerado seguro e com baixas incidências de problemas, porém como todo caso cirúrgico envolve riscos de complicações, como:

  • Hematoma: Pode ocorrer um acúmulo de sangue no local operado, podendo levar a dor e dificuldade de respirar, esse caso é avaliado imediatamente pelo cirurgião.
  • Alterações da voz: Isto pode ocorrer devido a proximidade da glândula com os nervos responsáveis pelos movimentos das cordas vocais. Porém somente 1 em cada 10 pacientes que são operados da glândula tireóide, apresenta alguma alteração temporária na voz, enquanto que 1 em cada 250 paciente, pode evoluir com alterações definitivas.
  • Hipocalcemia: Junto a glândula tireóide existem as glândulas paratireóides, que são responsáveis pela produção do hormônio que regula o nível de cálcio no sangue, após o procedimento cirúrgico é possível uma diminuição temporária ou definitiva na função dessas glândulas, levando a queda dos níveis de cálcio no sangue. Felizmente é raro ocorrer uma deficiência definitiva.
  • Cicatriz: Todo corte sobre a pele produz uma cicatriz, porém as marcas da tireoidectomia normalmente são discretas e não possuem mal resultados estéticos.

Contudo o procedimento cirúrgico da tireóide é considerado tranquilo e raramente apresenta complicações, desta forma é fundamental o acompanhamento do especialista no pré e pós operatório.


Entre em contato:
Dra. Maria Cristina Matteotti
Telefones: (11) 3032-0441 e (11) 5051-5144
WhatsApp: (11) 95242-3033
http://dramariacristina.com.br/



Referências:
https://www.hcancerbarretos.com.br/home-paciente/139-paciente/tipos-de-cancer/cancer-de-tireoide/228-orientacoes-para-cirurgia-de-tireoide
https://www.minhavida.com.br/saude/materias/33328-tireoidectomia-quando-e-indicada-e-possiveis-complicacoes
https://saude.abril.com.br/blog/com-a-palavra/tenho-um-nodulo-na-tireoide-e-agora-doutor/